Lua de sangue

Capítulo 2 



         
             Meu coração batia cada vez mais rápido. Meu corpo paralisado se contraia e minha veias queimavam... Enquanto isso o Frank me observava como se eu fosse um animal selvagem, que está prestes a atacar alguém.
E o ser tão belo por um momento, me fez sentir algo que nunca senti antes, era uma mistura de dor e ódio. Eu podia ouvir tudo o que eles estavam conversando, mas nada era nítido o suficiente. E o que me impressionava naquele momento, é que eles estavam a uns 40 metros de mim, mas ouvi toda a conversa. 
     Falavam sobre vampiros, no momento eu achei que não tinha haver com aquilo que eles falavam, pois pra mim vampiros não existem.

- Riley, o que acontecerá agora? Disse o que eu acho ser o "manda chuva". 
- E se ela se tornar uma vampira muito poderosa? Ela poderá se rebelar contra nós. Afirmou o Frank.
- Iremos esperar a transição dela se completar, e então contaremos a ela que ela agora é uma vampira. Só então saberemos o que fazer com ela. Disse o Riley.

A dor ainda permanecia em meu corpo, mas agora especificamente em minha cabeça. Acho que a tal transição que eles falavam se completara. De uma hora pra outra a dor do meu corpo passou e parecia que nada havia acontecido, exceto por uma coisa: o meu coração havia parado de bater. Eu não o sentia mais bater.
Dois dias depois da tal transição, Riley e Frank disseram que tinham algo importante pra me dizer. 

- Você agora é uma vampira. Disse o Frank.
- Como assim vampira? Isso é lenda, vampiros não existem. Eu berrei.
- Existem e você é um deles. Disse o Riley.
Foi então que vieram as perguntas e as dúvidas
- Por que meu coração parou de bater e eu não morri? Perguntei.
- Um vampiro é um morto vivo. Disse o Frank, com um sorriso cônico no rosto.
- Mas fique calma, preciso te ensinar como se alimentar você deve estar com muita fome. E lembre-se nunca saía durante o dia, ou então você morrerá. Disse o Riley.
 - Sangue humano é a nossa principal fonte de alimentação, mas aqui em Fells, os moradores estão muito desconfiados da nossa presença. Disse o Riley.
- Por isso estamos numa dieta vegetariana, só estamos nos alimentando de sangue animal. Disse o Riley com um ar de nojo no rosto.
- Então terei que me alimentar de sangue? Gritei.
- Sim. Respondeu o Riley.
- Mas se você for forte o bastante poderá controlar a sua sede. Disse o Frank.
- Ok, como faço pra me alimentar agora? Falei.
- É muito fácil, a única coisa que você deve fazer é morder o animal no pescoço, pode ser qualquer um. Falou o Frank com um sorriso no rosto.

     Nisso fomos até a floresta pra caçar, foi quando avistei um cervo e na mesma hora minha garganta ficou seca. Fiquei descontrolada e partir para o ataque. Então cravei meus dentes no pescoço dele, e em questão de segundos eu o matei.
Depois disso veio o remorso, fiquei um pouco depressiva na hora, mas o Frank disse que eu tinha que ser forte e controlar minha sede.

- Eu não sei se vou conseguir Frank. Eu disse tentando chorar, mas as lágrimas não molhavam meu rosto.
- Você tem que ser forte Celina tentar mudar quem você é, não vai adiantar nada isso é algo irreversível. Disse o Frank com um tom de culpa.

  Minha vida agora estava pior do que antes, para uma adolescente de 16 anos a vida estava só começando, mas pra mim ela acabou quando conheci o Frank e o Riley. Viverei o resto da eternidade com a aparencia de uma adolescente, talvez eu não suporte ser uma vampira por toda eternidade, mas eu encontrarei algo que me faça mudar, me faça agir diferente.


Continua... 

 

9 Comentários:

  1. Jefferson silva30 junho, 2012

    Vc escreve demais, parabéns estou essa história. Amo tudo sobre vampiros.

    ResponderExcluir
  2. Isso é tão... PERFEITO! *-------*

    ResponderExcluir
  3. Rick (Porto Alegre)30 junho, 2012

    Li esse capitulo, e achei demais.
    Vc tem talento parabéns!

    ResponderExcluir
  4. Robinho ((Recife))30 junho, 2012

    Amei essa sua narrativa vampirica, tem uma pegada fenomenal. parabéns mesmo!

    ResponderExcluir
  5. Olá meu bem, você tinha se inscrito no Follow Friday do meu blog, e venho lhe avisar que o seu blog está na lista, o post está no ar, e não deixe de conferir.
    Espero sua visita, sempre!
    e Parabéns pelo blog que você tem... Beijos

    Formulas Padrões do Coração

    ResponderExcluir
  6. Muito bom, vc tem talento, criatividade e uma pegada vampiresca. Muito bom e parabéns!

    ResponderExcluir
  7. Wellington santana02 agosto, 2012

    Amo a forma como você escreveu essa narrativa. Ta muito boa, você realmente vai longe.

    ResponderExcluir
  8. aonde posso encontrar o capitulo 1 (:

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nesse link> http://luadesangue1.blogspot.com.br/2012/04/lua-de-sangue.html
      Comenta lá!

      Excluir

Comente!
Sua opinião é muito importante para mim!
Mas por favor sem ofensas.
Prometo que em breve respondo, aqui mesmo e no blog de vocês.
----------------------------------------------------------------
VOLTE SEMPRE!

Lua de Sangue Copyright © 2013 - Todos os Direitos Reservados